Todas elas existem, são deliciosas e consideradas superalimentos.

O fruto é rico em vitaminas, ácidos graxos, fibras e minerais. As mais importantes são a vitamina A, que ajuda a retardar o envelhecimento da pele e protege os olhos contra a catarata; a vitamina C responsável por equilibrar os níveis de colesterol e de quebra ainda estimula a produção de colágeno; e a vitamina E, um antioxidante essencial que protege contra o Alzheimer. Além disso, é rico em fibras, cálcio e fósforo. Tem poucas calorias e é de fácil digestão.

Mas na hora de comprar, comer e cozinhar, você sabe qual é qual? Há diversos tipos de abóboras disponíveis e para ajudar ainda mudam de nome dependendo da região. Decididos a facilitar as coisas, fizemos uma lista das mais encontradas, entre tantas por aí! São elas:

tabela com foto, nome e as características correspondentes a cada abóbora.

Da mesma família, mas como nome diferente, temos a moranga, famosa por abrigar camarões em receitas por aí. Basicamente, a moranga pode ser usada nas mesmas receitas em que se usa a abóbora seca. Mas tem uns macetes especiais. Se você também já tentou fazer purê e terminou com um creme sabe do que estamos falando. Nesse caso, para manter a moranga mais firme, depois de cozinhar, espere esfriar e escorra bem para depois amassar. Quando amassada quente, ela fica mole e aguada.

A abóbora é tão boa, mas tão boa que está nas Américas há anos e já fez parte da base da alimentação das civilizações Asteca, Inca e Maia. Por ser bastante versátil é consumida de todas as formas na cozinha, em doces e salgados. A casca e as sementes também são comestíveis, sendo muito ricas em nutrientes, em especial o ferro. Segue uma dica de como fazer com as sementes que normalmente vão fora:

  • Lave bem as sementes,
  • Seque-as em um pano limpo ou papel absorvente,
  • Tempere com sal e leve ao forno quente por cerca de 40 minutos,
  • Mexa de vez em quando para que fiquem torradas por igual.

Prefira abóboras orgânicas e respeite a sazonalidade do alimento! Assim garantimos todos os benefícios que ela nos dão.

Fonte: Embrapa e Hortifruti SC

 

Anúncios

Um comentário sobre “Você sabe a diferença entre as abóboras?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s